Marianenses criticam intervenções no Cine Teatro Municipal

Além de uma área para café, será construído um banheiro aos fundos da galeria de arte do Cine Teatro



Desde fevereiro do ano passado que a prefeitura de Mariana assumiu a gestão do espaço | Portal Ângulo

No início da semana, foram veiculadas nas redes sociais informações de que a galeria de arte do Cine Teatro Municipal, conhecido, também, como SESI, seria transformada em um banheiro público. Inconformados, muitos marianenses solicitaram o posicionamento do poder público a respeito da veracidade das informações. “A galeria de arte do Cine Teatro vai ser transformada em banheiro público? Não há justificativa para transformar um espaço artístico em banheiro, mesma que outra galeria seja construída em outro lugar. A classe artística, a população, os políticos vão ficar imóveis diante disso?”, publicou um internauta.


Diante disso, a prefeitura de Mariana publicou em sua página do Facebook uma nota informando que “no local da galeria de arte será construída uma área de café, com espaço para leitura e, aos fundos, terá um banheiro”, ressaltando que "para o uso do banheiro será cobrada uma taxa".



“Acabar com esse espaço de exposições artísticas existente em Mariana, é ato irresponsável do poder público, que não tendo projeto de governo, vive de improvisos que desonram a memória que edificou a pujante vocação artística de Mariana e desonram o próprio poder público, que não tem respeito por aqueles que mantêm vivo o maior bem desta cidade patrimônio histórico – os artistas e os cidadãos que sabem do valor da arte para esta cidade”.


A notícia não agradou grande parte da população. “De início não acreditei, pensei que fosse deboche. Mas, creiam, a única sala de exposição da cidade artística será transformada em banheiro público. Poderá haver deboche maior aos artistas da cidade? Haverá desrespeito maior ao patrimônio de uma cidade patrimônio artístico? Como pode uma cidade de artistas sem espaço de exposição? Prefeitos de cidades históricas deveriam ter noção, pelo menos mínima, do que é patrimônio artístico”, publicou a escritora e artista do Movimento Aldravista, Andreia Donandon Leal, em sua página no Facebook.


Andreia também criticou a decisão do poder público. “Acabar com esse espaço de exposições artísticas existente em Mariana, é ato irresponsável do poder público, que não tendo projeto de governo, vive de improvisos que desonram a memória que edificou a pujante vocação artística de Mariana e desonram o próprio poder público, que não tem respeito por aqueles que mantêm vivo o maior bem desta cidade patrimônio histórico – os artistas e os cidadãos que sabem do valor da arte para esta cidade”.


Entramos em contato com a prefeitura questionando sobre os motivos dessa intervenção no Cine Teatro, bem como os valores que serão gastos nas obras e sobre a administração da área de café. Até o fechamento da matéria, não tivemos retorno.


Criado a partir do desejo de colocar em prática um fazer jornalístico verdadeiro, o Ângulo é um portal de notícias focado na região de Mariana, Ouro Preto e Itabirito. A história do veículo de comunicação se mescla com os anseios e missões de sua fundadora, que busca trazer novos ares para a mídia na cidade.

Aqui a missão é ser referência em notícia e se mostrar como um portal moderno, com visões amplas dos mais diversos lados das histórias e sujeitos.

  • Branca Ícone Instagram

© 2020 por Mariana Viana