Moradores de Cachoeira do Brumado reclamam da cor da água que chega em suas casas

Em 2017, a prefeitura de Mariana havia anunciado um recurso no valor de R$ 3 milhões para ser investido no tratamento, captação e distribuição da água dos distrito



Água sai das torneiras com cor de barro | Divulgação

Moradores das ruas Mestre Arthur Pereira, Palmeiras, São Geraldo e Beco da Flores, em Cachoeira do Brumado, estão incomodados com a água que chega em suas casas. Segundo eles, a água que é utilizada para consumo, está com uma coloração escura há meses.


Muitos dos moradores demonstraram sua indignação nas redes sociais, exigindo um posicionamento do poder público. “Ai, prefeito de Mariana, essa é a água que o povo de Cachoeira do Brumado está usando para tomar banho, lavar roupas, cozinhar e beber. Sua consciência não dói não? Quem sabe se você ler essa mensagem, não faz alguma coisa para melhorar a qualidade da água do distrito”, publicou um morador.



"Essa é a água que usamos há mais de 30 anos. Cadê a verba que saiu para tratar a água de Cachoeira do Brumado? Cadê a prefeitura para cuidar mais do município?"


Questionado sobre a situação, o SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) Mariana, nos informou que a equipe fará a limpeza no reservatório nesta segunda-feira, 24, e que, durante a semana, iniciarão uma obra de extensão de rede. Sobre os motivos pelos quais a água se encontra nessa coloração, o SAAE não nos respondeu.


Desde 2017 que a comunidade aguarda pelo investimento que havia sido apresentada pelo prefeito, Duarte Júnior, em uma audiência realizada no distrito. Nesse evento, Duarte afirmou que o município havia pleiteado, junto a FUNASA, um recurso, no valor de R$ 3 milhões, para captar, tratar e distribuir água em Cachoeira do Brumado.


“Agradeço à Deus pela água que nos Deus e fico triste com o desenvolvimento da saúde de Mariana. Essa é a água que usamos há mais de 30 anos. Cadê a verba que saiu para tratar a água de Cachoeira do Brumado? Cadê a prefeitura para cuidar mais do município? Tristeza, vergonha que tenho de ser marianense”, disse o morador Sérgio Aparecidos Martins, em um vídeo.


Em nota técnica, o SAAE informou que com o término do processo licitatório, foi iniciado procedimento de ajuste do Plano de Trabalho junto à FUNASA, tendo-se previsão de conclusão até setembro. Com a aprovação do ajuste, a Prefeitura será autorizada iniciar os trabalhos de perfuração, devendo ser finalizado até o dia 30 de setembro deste ano. A partir da aprovação do ajuste no Plano de Trabalho, pela FUNASA, também será possível iniciar o processo para licitação das obras complementares de implantação do sistema de abastecimento - rede adutora de água bruta, reservatório de 150 m³, unidade de tratamento, rede adutora de água tratada e interligações domiciliares à rede de distribuição.


A previsão é de publicação do edital do certame licitatório até meados de setembro, com expectativa de conclusão do processo até final de outubro. O SAAE também destacou que será necessário um novo ajuste no Plano de Trabalho, junto à FUNASA, atualizando o valor programado ao valor real licitado, sendo a previsão de ocorrer até meados de novembro. Segundo eles, a partir da aprovação do ajuste, a prefeitura será autorizada a iniciar as obras, que terão duração aproximada de quatro meses.




Criado a partir do desejo de colocar em prática um fazer jornalístico verdadeiro, o Ângulo é um portal de notícias focado na região de Mariana, Ouro Preto e Itabirito. A história do veículo de comunicação se mescla com os anseios e missões de sua fundadora, que busca trazer novos ares para a mídia na cidade.

Aqui a missão é ser referência em notícia e se mostrar como um portal moderno, com visões amplas dos mais diversos lados das histórias e sujeitos.

  • Branca Ícone Instagram

© 2020 por Mariana Viana