teste.jpg
  • Eliene

Vacina contra febre aftosa deve ser aplicada em bovinos e bubalinos até o dia 31 de maio

O produtor deve pegar a carta de vacinação no Sindicato dos Produtores Rurais e comprar a vacina em lojas de veterinária


A vacina contra febre aftosa deve ser aplicada até o dia 31 de maio | Banco de Imagens

Com base na solicitação do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), a Secretaria de Desenvolvimento Rural faz um alerta aos produtores rurais de Mariana para providenciarem a vacina contra febre aftosa, até o dia 31 de maio.

A orientação é de que o produtor pegue a carta de vacinação no Sindicato dos Produtores Rurais, localizado na rua Luiz Antônio Bastos, 45, centro, e compre a vacina em lojas de veterinária.

A vacinação deve ser aplicada em bovinos e bubalinos, de 0 a 24 meses de idade, até o último dia do mês de maio, e a declaração da vacinação deve ser realizada até o dia 10 de junho, podendo ser enviada por e-mail, entregue presencialmente no Sindicato, por formulário eletrônico ou pelo Portal do Produtor, sempre portando a nota fiscal da compra da vacina.

A Febre Aftosa é causada pelo vírus da família Picornaviridae, gênero Aphtovirus, altamente transmissível. O vírus se hospeda principalmente em animais de produção, como bovinos, suínos e bubalinos e pode ser transmitido por vias diretas ou indiretas, por inalação, ingestão ou abrasão de pele ou mucosas, localizando-se nas secreções e excreções do animal infectado.

Para mais informações, ligue no (31) 3558-4173.