Mariana cria lei de incentivo à classe artística

Serão três parcelas de R$ 1 mil para pessoas físicas e R$ 1,2 mil para pessoas jurídicas


Para receber o auxílio, podem se inscrever profissionais e organizações do município | Banco de Imagens

Para incentivar istas, artesãos e outros segmentos da cultura e turismo, a Prefeitura de Mariana criou o Auxílio Emergencial, Lei Municipal Manoel da Costa Athaíde - nº 3.399. A ação faz parte de um conjunto de medidas para minimizar os impactos da pandemia. O investimento será de R$ 900 mil.


A parcela será no valor de R$ 1 mil para pessoas físicas e R$ 1,2 mil para pessoas jurídicas e a concessão será limitada a três parcelas.


Podem se inscrever para o auxílio financeiro emergencial, profissionais e organizações do município, cuja atividade principal seja: música, artes cênicas, artes plásticas, artes culinárias, artesanato, literatura, fotografia, audiovisual, cultura popular, escolas e organizações culturais, produção cultural, técnicos da área cultural, receptivo de turismo e agências de turismo.


O regulamento para as inscrições pode ser conferido clicando AQUI.

--