teste.jpg
  • Eliene

Ministro do Trabalho apresenta programa de emprego voluntário para prefeitos de Minas Gerais

Programa oferece capacitações gratuitas aos jovens e pessoas com mais de 50 anos que estão há mais de dois anos fora do mercado de trabalho

Como contrapartida,os participantes terão que fazer, no mínimo, um curso de por semestre | Banco de Imagens

Nesta quinta-feira, 17, o ministro do Trabalho e da Previdência, Onyx Lorenzoni, apresentou aos prefeitos mineiros, o Programa de Prestação de Serviço Voluntário, que tem como objetivo inserir pessoas no mercado de trabalho.




** continua depois da publicidade **


O programa prevê capacitação gratuita no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e no Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) para pessoas de 18 a 29 anos e aqueles de 50 anos que estejam fora do mercado de trabalho há mais de dois anos.

Por meio de convênio, as pessoas serão contratadas por prefeituras em todo o país, com uma carga horária semanal máxima de 22 horas de trabalho. "Durante um turno, a remuneração é compatível com, no mínimo, meio salário mínimo. No outro turno a responsabilidade da prefeitura é a qualificação das pessoas. Elas têm que fazer, pelo menos, um curso por semestre, mas nada impede que elas façam dois, quatro, seis, oito ou quantos elas desejarem", explicou o ministro.



** continua depois da publicidade **


Onyx destacou que o objetivo é criar uma "rampa de acesso da informalidade, onde tem quase 40 milhões de brasileiros, para o mundo formal". De acordo com ele, a meta do governo federal é que 500 mil pessoas sejam contempladas pela iniciativa em 2022.