teste.jpg

WhatsApp libera transferências bancárias pelo aplicativo

Para fazer as transferências no WhatsApp, as pessoas precisam ter um número de telefone do Brasil


O WhastsApp é usado por cerca de 2 bilhões de brasileiros | Banco de Imagens

O Banco Central (BC) liberou a realização de transferências bancárias por meio do WhatsApp. Com esse aval, o aplicativo pôde oferecer um sistema de pagamentos em suas conversas. A Visa e a Mastercard serão as intermediadoras das transações.


Os pagamentos pelo WhatsApp vão funcionar direto do chat. Haverá uma função, no mesmo menu do envio de imagens, chamada "Pagamento". O aplicativo, que pertence ao Facebook, apenas iniciará as transações entre contas dos clientes nas instituições em que são correntistas.


Para fazer transferências, o usuário terá que cadastrar o número do cartão de débito ou pré-pago de bandeiras Visa ou MasterCard de um desses bancos: Banco do Brasil, Banco Inter, Bradesco, Itaú, Mercado Pago, Next, Nubank, Sicredi ou Woop Sicredi.


Em junho de 2020, o aplicativo de mensagens chegou a anunciar o recurso, mas o BC e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) suspenderam o serviço. O aplicativo afirmou que, em um primeiro momento, o serviço vai funcionar apenas para transferências entre pessoas físicas. Os pagamentos para comércios devem ser "lançados posteriormente".


A opção de transferência no WhatsApp fica no ícone de "clipe de papel" (Android) ou "+" (iPhone) no campo de mensagens, o mesmo em que aparecem as opções de enviar uma imagem, documento, localização ou contato.


Para utilizar a opção, é necessário clicar no ícone de "clipe de papel" e escolher a opção "Pagamento". Em seguida, insira o valor e uma mensagem opcional. Para concluir, basta apertar "Pagar" e colocar o PIN (senha) do Facebook Pay. A transação vai aparecer como se fosse uma mensagem na conversa do WhatsApp e o dinheiro cairá direto na conta da outra pessoa


Se for a primeira vez usando o serviço, será preciso aceitar os termos de uso, criar um PIN (senha) do Facebook Pay, cadastrar um cartão pré-pago ou de débito de uma das instituições parceiras e confirmar o cadastro na plataforma.


O recurso disponível atualmente, de transferência entre pessoas físicas, não possui taxas. Cada tipo de operação, de envio ou recebimento, não pode passar de R$ 5 mil por mês. As pessoas podem enviar até R$ 1 mil por transação, de modo que é possível enviar mais de R$ 1 mil por dia, mas em transferências separadas. Para receber, o limite é de até 20 transações por dia.


Quem ultrapassar os valores permitidos receberá um aviso e precisará esperar até o 1º dia do mês seguinte para começar a receber ou enviar pagamentos novamente.


Para fazer as transferências no WhatsApp, as pessoas precisam ter um número de telefone do Brasil. Desse modo, somente transações dentro do país e em moeda local são autorizadas.