top of page

Casal morre com suspeita de febre maculosa

Segundo informações, Marcos Gabriel Lopes, de 23 anos, e Adriana Fernandes, de 25 anos, de Conselheiro Lafaiete, se sentiram mal ao mesmo tempo e manifestaram sintomas idênticos


Reprodução | Ministério da Saúde

A morte prematura de um casal em Conselheiro Lafaiete, nesta semana, tornou-se motivo de apreensão entre os moradores, principalmente no bairro Amaro Ribeiro, onde os dois moravam. Isso porque há suspeita de que a causa das mortes seja febre maculosa. As amostras foram enviadas para análise no laboratório da Fundação Ezequiel Dias (Funed), e o resultado deve sair nos próximos dias.


Segundo informações, Marcos Gabriel Lopes, de 23 anos, e Adriana Fernandes, de 25 anos, se sentiram mal ao mesmo tempo e manifestaram sintomas idênticos: manchas no rosto e pintas vermelhas espalhadas pelo corpo. O casal deixou um filho de dois anos de idade.



** continua depois da publicidade **



A divulgação pública do caso foi na última quinta-feira, 15, feita pelo portal de notícias Fato Real. de acordo com o veículo, o Departamento de Vigilância em Saúde de Conselheiro Lafaiete informou que a vigilância epidemiológica municipal está investigando as causas das mortes.


Até o momento, Minas Gerais confirmou duas mortes causadas pela febre maculosa. A confirmação foi feita pela Secretaria de estado de Saúde, embora as cidades não tenham sido divulgadas. Ainda de acordo com a pasta, entre janeiro e junho deste ano, foram nove casos da doença no estado, de modo que os registros acontecem com maior frequência nas regiões Central, Vale do Aço, Leste e Sul de Minas.



** continua depois da publicidade **



Febre Maculosa


A febre maculosa é causada pelo carrapato-estrela, encontrado em áreas rurais e regiões de mata, tendo capivaras, bois e cavalos como seus hospedeiros principais.


Os sintomas incluem febre, náuseas, dor de cabeça, diarréia e vermelhidão nas palmas das mãos e nas solas dos pés. Os sintomas característicos surgem aproximadamente 12 horas após a infecção, e o quadro clínico pode se agravar rapidamente.


Estima-se que a taxa de mortalidade da doença possa ultrapassar 50%.



** publicidade **


Comments


bottom of page